Para animar, Cavalera
23 de Janeiro de 2012 . Por Patrícia Pontalti

Se tem algo que a Cavalera adora é surpreender pelos cenários. Já nos levou para o jardim de um museu, um parque, um viaduto, um barco no Tietê. Desta vez, escolheu a Estação da Luz, no centro de São Paulo, para mostrar sua coleção de inverno 2012, em um verdadeiro show animado por dançarinas burlescas, drags retrôs e uma banda tocando ao ritmo do ragtime. Na passarela, em meio a esse climão delicioso, o streetwear da marca também animou, em uma mescla de referências que já fazem parte do universo Cavalera: rock, tattoos, faroeste, militarismo.

Fotos Agência Fotosite

O destaque da coleção são os jeans, que surgem mais escuros, com um visual  que se assemelha ao couro. As calças são ajustadas, skinnies, algumas com ganchos baixos. A melhor parceira das ditas são moletons lindos, hodies clássicos, só que com modelagens mais amplas e bordados sofisticados, que remetem aos desenhos de tatuagens old school - traços que também estamparam paletós sequinhos para os garotos e se mesclaram a uma belísssima estampa de pied-de-coq ampliada e rebordada de paetês.

Fotos Agência Fotosite

Outra peça-chave do inverno Cavalera é a jaqueta, que vem mais curtinha, meio 50’s. Ela ganha capuz, detalhes de renda, referenciais militares, golas estruturadas, zíperes diferenciados e até um novo comprimento, flertando com um trench coat, peça recorrente nas coleções da SPFW.

Outra bossinha do desfile foi a mistura que a Cavalera adora de luxo com casual, portanto, a renda e os bordados sofisticados fizeram companhia à indumenária mais pesada, principalmente em detalhes, saias rodados com bastante volume, que são a cara da grife, e vestidos de cintura marcada.

Enfim! Gostoso de ver e provocador de desejos imediatos.

Related Posts:

  • Nenhum post relacionado

Deixe um comentário