Matchá, detox supremo
23 de Fevereiro de 2015 . Por Patrícia Pontalti

Se tem uma palavrinha que entrou de vez no vocabulário de quem está sempre atento às novidades da saúde – e hoje em dia, alguém não? – é detox. A destoxificação contribui para o bom funcionamento do intestino, diminui a retenção de líquidos e acelera o metabolismo, aumentando o gasto calórico. O principal objetivo pode não ser a perda de peso e, sim, o equilíbrio do organismo, mas, precisamos admitir, que é uma justa consequência, né mesmo?! Portanto, suquinhos verdes, tradução imediata da dieta detox, viraram bons companheiros e agora ganham um excelente parceiro de nome potente e dono de uma praticidade incomparável, o Matchá.

Foto Reprodução

De origem oriental, o matchá é extraído da mesma planta do chá verde, a camellia sinensis, mas é produzido de forma diferente, com folhas mais nova e tenras, trituradas lentamente em pedra – e ele tem um gosto muuuuito mais intenso que o chá verde que a gente está habituada. “Preparamos com a folha do chá verde liofilizada, que possui 137 vezes mais catequinas, um poderoso antioxidante e estimulante do metabolismo, que o chá verde comum”, comenta a farmacêutica Karina Zandoná, da Vida Nova Manipulação (tel. 51 3333-8866), uma das poucas farmas a já oferecer o produto da moda em Porto Alegre.

Foto Reprodução

Resumindo: o chazinho combate os radicais livres, auxilia no  bom funcionamento renal, hepático e intestinal, melhora a qualidade da pele pelo efeito purificante e por ser antiglicante/antienvelhecimento e ainda ajuda na perda de peso. Que amado! Pra ter uma ideia, ele tem 70 vezes mais antioxidantes que o suco de laranja e nove vezes mais betacaroteno que o espinafre, só para citar dois exemplos rapidinhos. Ah! E dizem que o consumo aumenta 25% a queima de calorias durante os exercícios físicos – eita!

A Karina, amiga querida que sabe tudo do assunto e nossa fonte certeira aqui das patis, comenta que, como o sabor costuma ser bastante intenso, na Vida Nova a um conjunto de ativos que fazem companhia ao Matchá, tornando-o mais saboroso: goji berry , laranja amarga, beterraba, extrato de salsaparrilha , vit C e glucoronolactona (atua como desintoxicante na atividade física, diminuindo a fadiga e melhorando a performance). Vou dar uma de Sílvio Santos: ainda não provei, mas me garantiram que é maravilhoso. Resultado: já estou na fila aguardando a minha fórmula. Ah! A dose recomendada é um sachet de 10 gramas em 200 ml de água pela manhã. E deu! Ponto! Acho que vou dar um descanso à minha centrífuga :).

Deixe um comentário