The Beauty 247 lança nova plataforma
19 de Junho de 2017 . Por aspatricias

Luli Potrich e Fernanda Rosa

The Beauty 247, site que permite que o cliente receba serviços de beleza a domicílio, acaba de lançar uma nova plataforma. Com um novo layout bem bacana, novas tecnologias e profissionais qualificados, a mudança surge de uma necessidade de aprimorar e mudar o visual digital devido à grande demanda.

Na semana passada, em Porto Alegre, rolou um encontro bacana para apresentar o novo site. No estúdio, as convidadas puderam curtir produções de maquiagem com produtos Abbey Cosméticos, realizadas por profissionais cadastrados.

Foto Gabriela Baum

Entre as novas funcionalidades da plataforma estão a simplificação da navegação e a padronização de fotos. Já a nova identidade visual é minimalista e bem-humorada, com a ideia de tornar a marca mais acessível e fazer com que o público se identifique.

O site nasceu no ano passado, através das sócias gaúchas Fernanda Rosa e Luisa Potrich, com a proposta de otimizar o tempo das pessoas, trazendo facilidades para os usuários. É possível conferir as novidades, o site (que ficou bem lindo!) e contratar serviços pelo link thebeauty247.com.

 

Durma Lady Gaga, acorde Beyoncé
5 de Setembro de 2016 . Por Patrícia Pontalti

Não sou das loucas por bronzeado. Sinceramente? Curto minha brancura sem qualquer estresse, acho querida. Mas devo admitir que, em tempos recentes, tenho gostado de uma corzinha, até porque ela se tornou inevitável devido à minha corrida diária sob o sol. Percebi que um tom dourado acaba me deixando com um ar mais saudável e ainda disfarça pequenas imperfeições na pele. Mas prometi para mim mesma que jamais vou estatelar sob o sol, portanto, estou bem curiosa para testar um dos produtos que conheci em um almoço organizado pela Beleza & Cia com apoio da Panvel Farmácias: o Best Bronze. O Best Bronze é um autobronzeador em spray livre de corantes e fragrâncias.

O que o Best Bronze teria de diferente dos demais? Tudo começa com a textura. Ele é um jato que seca em três minutos e requer pouca quantidade do produto. A gente aplica, espalha bem e ele já seca, sem manchar nadinha - inclusive, a promessa é que não mancha toalha, roupa, lençol ou qualquer tecido e superfície (o que já é uma vantagem e tanto, né mesmo?).

 

 Best Bronze, kit com autobronzeador e hidratante

Best Bronze, kit com autobronzeador e hidratante

 

 

Ele também não cora a pele no momento da aplicação, o que só vai acontecer, gradativamente, em oito horas. Ou seja, se você quiser estar linda e bronzeada para uma noite de sexta-feira, deve aplicar o produto na quinta, depois do banho e, fundamental, de uma boa e efetiva esfoliação. Isso mesmo. Esfoliar a pele é chave de ouro para o sucesso do autobronzeador. E não pode ser com esfoliantes que tenham qualquer tipo de hidratantes, viu?! Precisa esfolar tipo tijolinho, com o sabonete da própria Best Bronze ou uma clássica bucha vegetal.

O Best Bronze intensifica em dois tons a cor natural da pele. E pode ser reaplicado, intensificando mais dois tons em cada reaplicação, até três vezes, com intervalos de vinte e quatro horas. O efeito perdura de sete a 12 dias, e o bronzeado vai saindo gradativamente - importante hidratar a pele muito bem durante esse período. O Best Bronze também não tem aquele cheiro chatinho de alguns similares e tem versão sachê para rosto e colo, tipo lencinho umedecido. Ah! Cotovelos, joelhos e palmas da mão precisam do mesmo cuidado dos similares na hora de aplicação do Best Bronze, afinal,  são regiões de mais melanina que costumam ficar escuras facilmente. E o Best Bronze requer luvinhas, que vêm com o produto, para aplicar sem manchar as mãos. Para quem ficou curioso como eu, o Best Bronze vende na Panvel, e a marca também tem outros produtos, como o já citado sabonete esfoliante, um sabonete hidratante, os lencinhos de rosto, hidratante e uma luva esfoliante.

 

Site de beleza: conheça o The Beauty 247
25 de Abril de 2016 . Por aspatricias

Gente, para tudo! Está sendo lançado hoje um site que vai nos ajudar muito a cuidar de nós mesmas mesmo com a correria nossa de cada dia. Imagine: você tem uma data especial, é seu aniversário, casamento da sua melhor amiga, ou a festa de final de ano na empresa da qual você é diretora, e aí o profissional que a atenderia cancela de última hora. Se não aconteceu com você, aconteceu com alguém que você conhece, né? Bom, foi depois de uma situação dessas que a publicitária Fernanda Rosa e a relações públicas Luisa Potrich viram na experiência uma oportunidade de negócio. Em busca de uma solução, perceberam a falta de um serviço que oferecesse uma carta de profissionais aptos para um atendimento em tempo hábil. A necessidade aliada à inquietação e a criatividade da dupla foi a fórmula que originou o The Beauty 247, uma plataforma digital que oferece serviços de beleza a domicílio, 24 horas por dia, sete dias da semana.

Foto: Bibiana Macedo

Foto: Bibiana Macedo

 

Ao todo, o projeto levou mais de ano de trabalho para chegar no seu formato atual, através de pesquisas, captação de profissionais, planejamento e execução do thebeauty247.com. A iniciativa já conta com 500 profissionais de diversos estados do Brasil inscritos na plataforma, sendo 174 ativos e disponíveis para o atendimento. Especialistas de São Paulo, Brasília e Rio de Janeiro fazem o maior corpo de cadastro junto aos gaúchos. A ideia traz benefícios para ambas as partes através da intermediação de profissionais que buscam novas oportunidades de trabalho e clientes que precisam de um serviço qualificado sem precisar se deslocar. “Nossa proposta é otimizar o tempo das pessoas trazendo facilidades para os usuários com serviços exemplares e maior conforto”, conta Fernanda Rosa.

COMO FUNCIONA

Ao acessar o site  o cliente realiza um cadastro e é destinado a uma página onde pode buscar por serviços de acordo com a sua localidade e preferência através de filtros. Cabelo, maquiagem e manicure estão entre as modalidades oferecidas no momento. Após a escolha, uma agenda é enviada ao profissional através de e-mail e SMS, informando o trabalho e solicitando a resposta com no mínimo 24h de antecedência. Ao ter o serviço aceito, o contratante recebe a confirmação e realiza o pagamento antecipado através do sistema de pagamentos MOIP, de forma segura e eficiente. “O cliente opta pelo serviço e escolhe quem vai atendê-lo. Existem serviços e modalidades para todos os gostos e bolsos, os valores não são fixos e variam de acordo com cada profissional”, explica Luisa Potrich.

Para o profissional, o caminho também é simples. É necessário realizar o cadastro no site e criar o seu perfil com informações importantes como habilidades, cachê para atendimento e também fotos dos trabalhos realizados. Um manual de conduta é disponibilizado com regras e dicas importantes para início da parceria. O valor definido por cada profissional é 100% repassado através de transferência bancária. Ao definir o seu preço, é importante levar em consideração os custos com deslocamento e ferramentas de trabalho. As taxas de transação e de serviço são acrescentadas no valor final cobrado do cliente pela própria plataforma. Após essa etapa, uma agenda é aberta e o cadastrado pode aceitar ou não uma oportunidade de trabalho. Além de ter um novo espaço de divulgação online gratuito, o profissional conta com o aumento da carteira de clientes e nova renda, sem exclusividade ou sem precisar se desligar de um salão.

 

Foto: Bibiana Macedo

Foto: Bibiana Macedo

Mais que um site de intermediação, a empresa trabalha no fomento ao mercado da beleza, incentivando profissionais que desejam aprimorar suas habilidades através de cursos palestras e eventos sociais. As sócias, ligadas ao mundo digital, compartilham experiências e buscam novidades do mercado de estética para aprimorar a oferta e descobrir novos talentos. Muitos profissionais e serviços são testados pela própria equipe do The Beauty, que compartilha informações e novidades através das redes. A proposta visa valorizar a experiência de consumo dos clientes e também agregar valor ao profissional sem necessariamente aumentar os custos do contratante. “Queremos que o profissional seja valorizado e, ao mesmo tempo, que o cliente se sinta especial com um serviço exclusivo. Nosso objetivo é criar um vínculo entre as duas partes e oferecer um serviço de alta qualidade”, projeta Luisa.

Para ver mais:

instagram @tb247oficial

facebook.com/thebeauty247

snapchat tb247oficial

A Coreia é pop! Vem!
19 de Abril de 2016 . Por Paola Pasquale

Se a primeira imagem que lhe aparece na mente quando alguém fala em Coreia ainda é a de ditadores baixinhos com cortes de cabelo ultrapassados, está na hora de rever os seus conceitos. Não faz pouco tempo que o Ocidente importa traços culturais asiáticos. Aliás, essa história é mais velha do que eu e você. O Japão e a China já são nossos velhos conhecidos, grandes fontes de novas e antigas técnicas, além de uma mina de ouro no quesito referências para moda, arte e tecnologia.

Clipe de Ways To Go da banda Grouplove

Clipe de Ways To Go da banda norte-americana Grouplove

Então, eis que um novo polo entra no mapa: a Coreia do Sul. Com ares futurísticos, o país de pouco menos de 50 milhões de habitantes cresceu absurdamente desde a década de 1950, criando um enorme abismo cultural e financeiro entre ele e seu irmão do norte. Atualmente, é a 13ª maior economia do mundo e é classificado pelas Nações Unidas, pelo Banco Mundial e pelo Fundo Monetário Internacional como um dos países mais desenvolvidos do mundo. Quer mais? A Coreia do Sul também se encontra entre os países mais avançados tecnologicamente e um dos melhores em comunicações, não fazendo feio perto nem dos Estados Unidos.

Seul

Seul

Com todos esses dados, não demoraria muito para que se começasse a prestar mais atenção no que vem de lá, certo? A partir dos anos 1990, começou o que jornalistas de Pequim denominaram de Hallyu, a Onda Coreana. O neologismo surgiu depois da surpreendente popularidade da cultura sul-coreana na China, que começou com a exportação de dramas televisivos bem produzidos e logo passou para a cultura pop e sua pulsante música, o pop coreano ou, como ficou conhecido após sua proliferação global, o k-pop.

Bom, de lá pra cá, com as distâncias encurtadas e a era das redes sociais instaurada, não é difícil imaginar como a sua sobrinha adolescente acabou virando uma fã inveterada do tal k-pop e até do k-drama. O fato é que uma grande movimentação cultural, vinda de um dos novos países mais desenvolvidos do mundo e de uma estética súper fresca só poderia aumentar o interesse global no que vem desse pequeno país, principalmente da moda, é claro.

kpop-fans

Em 2015, Karl Lagerfeld apresentou a coleção cruise da Chanel em nada mais, nada menos, do que o Dongdaemun Design Plaza, em Seul, capital da Coreia do Sul. O prédio, de projeto futurista da maravilhosa arquiteta iraniana Zaha Hadid (recém falecida, amiga de Karl), é uma representação dessa nova Coreia global. Na passarela, o produto da Onda Coreana: um desfile colorido com releituras de clássicos da maison, além de peças com referências da cultura local como quimonos e os tradicionais vestidos usados em casamentos e cerimônias no país.

chanel-cruise

Chanel Cruise 2015

O desfile da Chanel arrastou o grande escalão da moda mundial para conhecer Seul, mas a verdade é que todas as últimas grandes febres de beleza (as coreanas são simplesmente aficionadas em ter uma pele perfeita e radiante), por exemplo, já vinham de lá e jovens ao redor do mundo todo já respiram a cultura k.

O BB Cream foi criado na Alemanha, mas foi na Coreia do Sul que virou produto de beleza e então febre mundial

O BB Cream foi criado na Alemanha, mas foi na Coreia do Sul que virou produto de beleza e de lá, febre mundial

 

O fenômeno da cultura k-pop

O k-pop realmente é um capítulo a parte. Os coreanos - sim, homens e mulheres - sempre amaram moda e é bem mais comum enxergar as últimas tendências desfilando pela rua por lá. O país já dita moda no continente asiático faz tempo, ultrapassando até o Japão nesse campo, e isso é tudo por conta do tal do k-pop.

O gênero musical originário da Coreia do Sul se caracteriza por uma grande variedade de elementos audiovisuais e, embora compreenda todos os gêneros de música popular coreana, está mais frequentemente relacionado aos populares dance-pop, pop ballad, electronic, hip hop e R&B. A melhor definição para o que atualmente se entende por k-pop vem da organização audiovisual francesa Institut National de L’audiovisuel que o classifica como “uma fusão  de música sintetizada, rotinas de dança afiadas e trajes coloridos da moda combinando bubblegum pop com os elementos musicais de electro, disco, rock, R&B e hip-hop”. Sério, essa é realmente a melhor definição para o que acontece por lá.

Foi o coreano Psy quem abriu os olhos do mundo para o gênero em 2012, mas o estilo já vem conquistando multidões de fãs há muito tempo

Foi o coreano Psy quem abriu os olhos do mundo para o gênero em 2012, mas o estilo já vem conquistando multidões de fãs há muito tempo

Os grupos de k-pop são boy bands ou girl bands extremamente bem treinados e com estilo próprio bem definido. E, para você entender a dimensão deles, existem agências na Coreia do Sul só para formar essas bandas que investem em média 3 milhões de dólares em cada membro, sendo que as bandas têm entre 5 e 12 pessoas ou até mais (o recorde é 21!). O impacto dessas bandas é tão grande que até o governo sul-coreano as abraçou, incentivando e patrocinando sua formação e depois as usando como uma ferramenta de “soft power” entre os jovens ao redor do mundo, de propaganda sul coreana. A própria revista The Economist apelidou a cultura pop coreana como “trendsetter mais importante da Ásia”.

the-best-k-pop-groups-u4

E o que isso tem a ver com moda? Na realidade, tudinho. Poderíamos ter mais algumas centenas de parágrafos para explicar todo o sistema cultural criado pelo k-pop (e reforçado pelo k-drama, o equivalente asiático das novelas da Rede Globo). Desde as próprias gírias até os próprios estilos, seguidos fielmente por fãs cada vez mais dedicados ao redor do mundo. Mas o resumo é: os figurinos são mesmo bafônicos, e os adolescentes piram. As estrelas do k-pop ditam muita moda, dos looks aos penteados e make.

9-bap

É bem difícil definir um estilo único vindo dessa cultura. Cada grupo define o seu e todos transitam entre uma mistura de preppy, urbano, esportivo, dark, tudo com pitadas de um pop global, forte presença de tecnologia e alguns (muitos) visuais bem excêntricos. O bacana é que a cultura jovem ao redor desses grupos está em constante experimentação, mutação e troca, intercâmbio. Para entender melhor, separamos algumas das bandas de maior sucesso global nos últimos anos (embora por lá existam muitas outras, mais atuais ou com novas propostas):

2NE1

O quarteto de meninas surgiu em 2009 e faz uma mistura de hip hop com uma atitude girl power. O som é repleto de batidas eletrônicas perfeitas pra tocar em quase qualquer balada do mundo. Cada uma das meninas também chama a atenção pela personalidade original e pelo visual bem fashion. A cantora CL, por exemplo, já foi considerada a garota mais “durona” da Coreia do Sul.

2ne1

2PM

Na linha dos garotos bonitinhos com letras românticas, o 2PM é o case perfeito. A boy band foi criada em 2008 e, em 2013, teve seu disco Legend of 2PM considerado o “melhor álbum do ano” no MTV VMAJ 2013, o MTV Video Music Awards japonês.

2pm

BIG BANG

Formado em 2006, o Big Bang é o antídoto para o 2PM, conhecida pelo estilo “bad boy” dos cinco integrantes. Eles compõem as próprias letras e o talento rendeu aos cantores Taeyang e G-Dragon carreiras solo que estão dando bombando. G-Dragon tem chamado atenção nos Estados Unidos, onde já foi elogiado por Kanye West, Grimes e Missy Elliott, com quem já fez uma parceria musical na track “Nilliria”. Tá bom pra você?

bigbang_teaser_2015

BOA

Kwon Boa não é uma banda, ok, mas foi descoberta pela produtora SM Entertainment aos 11 anos. Virou um fenômeno teen e hoje, aos 29 anos, é a rainha da música asiática. Ela faz um pop dançante que já foi comparado ao de Britney Spears, mas também canta baladas românticas que lembram cantoras japonesas, como Ayumi Hamasaki e Hikaru Utada. Boa tem mais de uma dezena de álbuns e também canta em japonês, inglês e chinês. Foi a primeira artista coreana a fazer sucesso no Japão, rompendo uma barreira cultural histórica e tem uma carreira muito bem consolidada fora da Coreia.

boa

EXO K

Acertando no coração das jovens amantes de garotos novinhos que sabem dançar sincronizadamente, a Exo é uma boy band com 12 integrantes que conquistou as fãs de One Direction e Justin Bieber. O grupo se divide em dois: os que cantam em chinês (Exo-M) e aqueles que cantam em coreano (Exo-K), que podem fazer shows juntos ou separadamente.

exo-k

F(X)

Formado em 2009, o grupo é composto por garotas “de seu tempo”. As meninas fazem um som que levanta qualquer pista de dança e apostam em muito neon, música eletrônica e na individualidade de cada uma. A líder Victoria tem milhões de seguidores nas redes sociais, e a rapper Amber Liu chama a atenção pela androginia.

fx

GIRLS’ GENERATION

Caso você seja um pouco ligado no que rola por aí, já deve ter se deparado com o Girls’ Generation. O grupo feminino, criado em 2007, é composto por nove integrantes e é um dos maiores sucessos da Ásia. Fazem uma baladinha bem doce e dançante, com letras para pré-adolescentes, que falam sobre o primeiro amor de uma garota ou meninos e estouram nas rádios.

girls-generation-20a

SUPER JUNIOR

Uma das maiores boy bands do mundo, o Super Junior tem 13 integrantes que cantam em diferentes línguas. Eles são um dos precursores do K-Pop e já podem ser considerados veteranos do gênero, com quase 10 anos de estrada e seis álbuns de estúdio. Eles seguem firmes, com coreografias que ainda deixam os fãs loucos. Em julho de 2013, o grupo fez show em São Paulo com ingressos que se esgotaram rapidamente.

superjunior_devil

 

Entre tanta gente chata sem nenhuma graça: Magá Moura
13 de Janeiro de 2016 . Por Paola Pasquale

Já ouviu falar dessa baiana que virou ícone de estilo no mundo todo? Em meio a um mar de fashion victims usando sempre as mesmas tendências, quase que uniformizadas, Magá Moura chega como uma explosão de cores e estampas - literalmente. A relações públicas, que atualmente mora em São Paulo, já cursou Fashion Marketing na London College of Fashion e é Coolhunter pelo IED, Instituto Europeo di Design. Apaixonada por moda, aprendeu a usar ela a seu favor como ninguém, expressando um estilo único, irreverente e inspirador. No site que leva seu nome, compartilha seu lifestyle, interesses e influências (que são muitas), ou, como ela chama, as “magavilhas”, autênticas como ela.

living-life-in-color-missbish-maga-moura-sao-paulo-brazil-1-1120x750

E tem como duvidar que a menina está l-a-c-r-a-n-d-o depois que a WGSN, empresa líder mundial em análises de tendências, fez um report sobre ela como “Ones to Watch”? Nas palavras deles: “Magá Moura é muito mais do que a maioria das blogueiras que você conhece. Ela está usando de seus tons coloridos, marca registrada, além da personalidade forte, para estimular outras pessoas a serem corajosas e verdadeiras com elas mesmas.”

screen-shot-2015-11-11-at-11831-pm-1030x646

Isso mesmo. Magá, além de ser reverenciada por ser nada mais do que ela mesma, ainda é um ícone de empoderamento feminino e da valorização da beleza afro. Não à toa, as box braids coloridas, tranças ícone do estilo da it girl, estão viralizando pelos salões de beleza do país. Mas o encantamento por ela é geral. Seus looks alegres e descontraídos já estamparam inúmeros sites e revistas por aí, de Vogue a Nylon.

maga_moura_feature

O estilo dela é mesmo de “sair do sério”. Cheio de cores vibrantes, o look Magá é urbano, divertido e glamouroso, assim, tudo ao mesmo tempo e agora. Camisetões, leggings estampadas,  joggers e peças com pelúcia são presença constante, mas o toque final fica para os acessórios, principalmente óculos redondos e brincos que só podem ser denominados de insanos (no bom sentido). Como embaixadora da Nike Sportswear no Brasil (sim, mais essa!), nos pés a preferência é pelo conforto, principalmente se forem os sneackers neon da marca. O toque final fica para a beleza, com bronzeado natural realçado por cabelos extravagantes e batons coloridos.

maga-moura

ji0xuqok

living-life-in-color-missbish-maga-moura-sao-paulo-brazil-3-1120x746

Essa linda é mesmo pra ficar de olho.