Brisa Slow Fashion e Côté apresentam nova coleção
7 de Julho de 2017 . Por aspatricias

 

Blusa Brisa e brinco Côté

Blusa Brisa e brinco Côté

Brisa Slow Fashion e Côté lançam nova coleção neste sábado, das 14h às 18h, na Rua Visconde do Rio Branco 828, em Porto Alegre. O evento acontece no Coletivo 828, formado por empresas socialmente e ecologicamente responsáveis, que dividem o mesmo espaço e constituem uma loja conjunta.

A Brisa Slow Fashion foi criada há um ano pela estilista Tati Stein e tem como objetivo oferecer peças atemporais e sustentáveis em todos os seus aspectos. Os tecidos de algodão, seda e de fio de garrafa pet são fornecidos apenas por empresas nacionais que possuem certificação orgânica. Além disso, são utilizadas técnicas artesanais e pigmentações naturais provenientes de plantas, sementes e extratos. Além da nova coleção, a Brisa traz duas novidades: a chegada da nova sócia, Cássia Ninow, e a participação na Green Show Room, maior feira mundial do setor sustentável.

Já a Côté é uma marca de acessórios sustentáveis que, desde 2015, trabalha com a  ressignificação dos materiais de descarte para transformar em objetos de design. A label é coordenada pela arquiteta Priscila Elisa Berselli, que segue os propósitos de produzir peças com desenho atemporal, sem uso de produtos de origem animal, sendo ela mesma a responsável por toda a criação das peças, desde a coleta de materiais até a montagem final dos produtos.

Blusa e calça Brisa, brinco e cinto Côté

Blusa e calça Brisa, brinco e cinto Côté

As peças também podem ser encontradas nos sites das marcas: www.brisaslowfashion.com e www.designcote.com.

Preza aposta em design autoral e sustentabilidade
24 de Maio de 2017 . Por aspatricias

A Preza é uma marca gaúcha que faz mais do que apenas óculos de madeira. Sustentabilidade, exclusividade, design autoral e produção local são só alguns dos diferenciais. Elaborada com excedentes industriais, as armações são numeradas, pois cada peça é única e carrega uma história. Além disso, o shape contemporâneo somado ao conceito de consumo consciente imprime personalidade a qualquer visual.

Preza/Instagram

Os óculos têm corte a laser e acabamento manual. A produção funciona com uma lógica de reinvenção, baixo impacto ambiental, zero desperdício e valorização do artesão, com produção local, como a gente já apontou. A colagem e o tratamento da madeira são com materiais de origem vegetal e sem solventes. E a equipe de designers é formada totalmente por mulheres, que fazem um trabalho minucioso colando, serrando, alinhando e aprendendo sobre a matéria-prima, a madeira.

Preza/Instagram

A Preza nasceu da vontade dos designers Rodrigo Cury e Martina Seibel de produzir algo autêntico e relevante. O que começou com uma pequena oficina improvisada hoje é uma fábrica de óculos com personalidade, localizada em Porto Alegre. Vale dar uma olhada nos modelos pelo site da marca: preza.me. A gente já é fã.

 

Feira Modaut ganha segunda edição neste sábado
5 de Maio de 2017 . Por aspatricias

Modaut / Divulgação

Sábado vai ter evento bacana na Área 51 (Rua Lucas de Oliveira, 894), em POA. É a segunda edição da feira MODAUT, que reúne moda, comidinhas, cerveja, música e debates. Quem quiser conferir de perto, a programação rola das 14h às 21h.

Serão 26 marcas que contribuem com um novo olhar para a moda, seja nas matérias-primas, no design ou na proposta além do fast fashion. O encontro também servirá para a troca de ideias e para inspirar quem produz moda autoral, com dois painéis. Às 16h, serão apresentados os Novos Negócios da Moda, com coordenação da Pandorga. O bate-papo terá mediação de Vinícius Dambros Andrade e Gabriel Vanoni, com Laís Ribeiro e Natalia Pegoraro, da marca de vestidos de noivas O Amor é Simples, e Bruna Holderbaum e Milena Faé, da Closet Detox. As inscrições podem ser efetivadas pelo link: https://www.sympla.com.br/novos-negocios-de-moda–modaut__138876.

Às 17h, será a vez da palestra Sustainable Fashion Dynamics, mediada por Cacá Camargo, representante do Fashion Revolution, com a participação das marcas Preza e Mudha. As inscrições são realizadas pelo link: https://www.sympla.com.br/sustentable-fashion-dinamic–modaut__137057.

Para quem curte música, a banda Hello, Ms Take toca às 17h, Nacional Rivera, às 18h30mim, e Doutor Roberto, a partir das 20h. A gastronomia fica por conta do Tuca Truck, Taco Pizza e Grand Churros, regados a Cerveja Salva. Detalhe: no dia do evento, quem inserir o código “modaut” no Cabify ganha 20% de desconto na ida e volta para a ÁREA 51. Oba!

 

Confira as marcas que estarão no evento:

About Blank Clothing

Amuleto de Pano

Ana Rowe - Vista Arte

Aurora

Ayessa

Behá

Border Shoes

Carina Brendler

Coletivo 30º Sul

Draisiana

Isabela Ciamponi

Libe Store

Lucas Moraes

Mofo

Mudha

Ohko

Pandorga

Preza

Pro Me

Seeds

Speak

Sta. Spalla

Sueka

Touc

Vintax

Vking

Wonder Wear

 

Roupinhas do bem da Matiz
14 de Janeiro de 2016 . Por aspatricias

Antes mesmo do nascimento, as novas mamães já estão preocupadas em escolher as melhores opções para o bebê. Os carinhos e cuidados dos primeiros anos de vida são essenciais para o desenvolvimento físico e psicológico da criança. Além de ter pele, corpo e olhinhos mais sensíveis que os de adultos, os recém nascidos começam a captar valores passados pelos pais desde cedo. Foi refletindo sobre essa imensa responsabilidade que é vestir uma nova geração que surgiu a marca infantil Matiz.

matiz-luvas

A Matiz nasceu com o intuito de cuidar tanto do bebê quanto do meio ambiente, visando novas formas de consumo que podem ser ensinadas aos pequenos. Todas as roupinhas são produzidas de maneira sustentável, com matérias-primas nacionais e mão de obra regional. As peças de vestuário, que não agridem a pele, são feitas em malha de algodão orgânico e os acessórios e objetos decorativos utilizam tecidos provenientes da reciclagem de embalagens PET.

A Matiz acredita que o design deve contribuir para o consumo consciente. E demonstram essa preocupação em cada aspecto. Além da produção justa e sustentável, valorizando cooperativas femininas e locais, a empresa trabalha com cores vivas, que auxiliam o desenvolvimento cognitivo do bebê. Quer mais? Nenhuma peça tem divisão de gênero, afinal, chega dessa história de roupas “de menina” ou “de menino”.

Iniciativa incrível para cuidar do nosso futuro.